domingo, 7 de fevereiro de 2016

Nivaria no Porto Santo

O já bem nosso conhecido NT Nivária, voltou ao Porto Santo na noite de ontem, tendo atracado as 18.30 de saído para o Caniçal logo pela manha de hoje, após descarregar combustíveis.


© Foto: Elvio Leao

Lobo Marinho depois da reparação

Lobo Marinho, acabado de chegar da reparação, com um aspecto reluzente,  a entrar ontem no Porto Santo, num dia de Fevereiro a que se pode apelidar de dia de verão, naquela que foi a primeira viagem diurna depois da intervenção a que foi submetido em Lisboa.








© Fotos: Elvio Leão

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

SS United States pode voltar a navegar

O histórico navio "SS United Sates" poderá voltar a cruzar os mares. a Crystal Cruises assinou o um contrato com a SS Unitade States Conservancy que visa adquirir este emblemático navio e coloca-lo no activo, suportando os custos de manutenção  do navio enquanto são efectuados todos os estudos necessários para a sua recuperação e eventualmente, o seu regresso ao mar,
A Crystal Cruises pretende colocar o navio dentro de todas as normas de segurança e ambientais em vigor, mantendo no entanto e dentro do possível os traços originais tanto interiores como exteriores.
O "SS United States", é o recordista em velocidade na travessia do Atlântico, atravessando-o, na sua viagem inaugural iniciada a 3 de Julho de 1952, á velocidade média de 34.5 nós, em 3 dias 10 horas e quarenta minutos, com inicio de contagem no barco farol  do porto de Nova Yorque e fim em Bishop na Cornualha, ficando assim o detentor da Fita Azul,(prémio dado a navios de passageiros que atravesse o Atlantico a maior velocidade) troféu que ainda hoje detém.
O navio tinha na altura a maior potencia ate então instalada num navio de comercio, com os impressionantes 240.000 hp, debitados por potentes turbinas a vapor, e que lhe permitiam uma velocidade máxima de 38 nós.e 32 nos de serviço
Encontra-se imobilizado em Filadélfia de 1969, sendo adquirido em  2011 pela SS United States Conservancy

Características principais

Comprimento :302 metros
Boca :30.9 metros
Calado: 9.53 metros
Decks 12
Potencia :240.000 hps 180.000 Kw
Propulsão: 4 turbinas a vapor Westinghouse de dupla redução
                 8 caldeiras Badcock Wilcox funcionando a 1000 psi
                 4 veios e 4 hélices
Velocidade: máxima 38.82 nós
                   de serviço 32 nós
Passageiros: 1928
Tripulação: 900
Tab:53.330
Ano de construção: 1949/1952
Construtor: Newport News Shipbuilding e Drydock Company
Imo:  573476
Indicativo de chamada: KJEH









terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Veleiros clássicos no Funchal

Le Bel Espoir II e Le Rara-Avis são dois lindos navios que entraram ontem no Funchal, momento captado por João Conceição.
O primeiro , dinamarquês , foi construído em 1944, e tem o comprimento de 38.50 metros, 7.20 metros de boca e 2.80 de calado pesando 189 toneladas.
O segundo tem pavilhão holandês e foi construido em 1957. Curiosamente tem o mesmo comprimento do Le Bel Espoir II , ou seja 38.50 metros.


Le Rara-Avis








Le Bel Espoir II

Copyright fotos: Joao Conceição

Lobo Marinho e os telhados de Lisboa

Mais uma bonitas imagens capturadas por Rui Minas que nos mostra o Lobo Marinho destacando-se nos telhados de Lisboa.



Copyrigh fotos: Rui Minas

Menhir, ex Lobo Marinho volta ao activo

O ex Lobo Marinho, bem conhecido de todos os madeirenses e portosantenses, poderá voltar ao activo depois de 10 anos parado. Há rumores de que o mesmo deverá ser apenas usado como ro-ro pelo que não transportará passageiros.
Historia do Ex Lobo Marinho e da linha ferry Funchal Porto santo







segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Lobo Marinho em Lisboa

Mais umas fotos enviadas por Rui Minas, do Lobo Marinho, atracado em Lisboa abastecendo-se para a viagem que ira fazer para o Funchal.







Copyright fotos :Rui Minas

domingo, 31 de janeiro de 2016

NRP General Pereira d'Eça afundada em Porto Santo

Depois de 40 anos no activo a fragata NRP General Pereira D'Eça vai ter novas funções. Servirá de recife artificial ao largo do Porto Santo, fazendo companhia ao Madeirense, e servindo tanto de atracão turística como um nicho para a biodiversidade, importante numa baía como a do Porto Santo onde os fundos são na sua maior parte planos e arenosos.
A NRP General Pereira D'Eça esta a ser preparada para o efeito, sendo feitas todas as limpezas e descontaminação ficando apenas a carcaça, que depois de garantida a total estanquidade será rebocada para o Porto Santo , o que deverá acontecer antes do Verão.

General Pereira D'Eça nos seus tempos de gloria
Foto:www.forumdefesa.com