quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Mau tempo provoca encalhe de veleiro

O mau tempo que se tem feito sentir, com vento forte de sul e ondulação, provocou o encalhe de uma embarcação que se encontrava fundeada. A mesma garrou e encalhou no talude de pedra junto ao parque de contentores, sofrendo alguns danos.



A pronta intervenção do pessoal a Apram, que de imediato iniciou a operacao de desencalhe recorrendo á lancha "Cte Cristiano de Sousa" que rebocou o iate com alguma dificuldade, devido ao veleiro ter o patilhão preso nas rochas, "arrancando-o "da dificil situacao,o que evitou danos de maior vulto.





Depois de algumas tentativas e aproveitando a ondulação, o barco foi desencalhado sendo depois colocado na marina onde serão avaliados os danos.
É de louvar coragem do funcionário da Apram Sr Cardina, que despiu-se e subiu para o barco, que estava bastante adornado e na zona de rebentação, numa situação bastante perigosa.


Funchalense 5 e Lobo Marinho cancelam viagem ao Porto Santo

Devido ás más condições atmosféricas, o porta contentores "Funchalense 5" cancelou a escala  que deveria ter sido efetuada na ultima madrugada.


Ás tres da madrugada, hora a que o navio deveria atracar, foi tomada a decisão por parte do serviço de pilotagem de não haver condições para a operação, isto apesar da ajuda dos rebocadores "Ponta do Pargo" e "Ctme Passos Gouveia"  seguindo o "Funchalense 5" para Lisboa.







Por sua vez , o ferry "Lobo  Marinho", também cancelou a viagem programada hoje. o navio deveria ter saído do Funchal ás 08h o que não aconteceu, devido ao vento forte de sul e ondulação.
amanhã , se o tempo o permitir, o ferry deverá efectuar a viagem , saindo do Funchal ás 08h e do Porto Santo ás 18h.


segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Chegada do AIDAprima ao Funchal

O majestoso navio "AIDAprima" a entrar no porto do Funchal hoje logo pela manhã. Este belo navio faz a sua segunda escala no principal porto da região, tem a particularidade de usar este porto para se abastecer de gás natural "LNG" , aproveitando o facto do porto do Funchal ser o único do pais a fornecer este combustível, o que representa um passo em frente no uso das energias limpas.
O Abastecimento é garantido pela GasLink, que abastece o navio em contentores cisterna.







 Seria desejável , que a nível mundial  o LNG viesse a muito curto prazo substituir os combustíveis pesados usados na navegação e tanta poluição provocam.


Agradeço as magnificas fotos enviadas pelo meu amigo João Conceição

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Dupla de "Tallships" no Porto Santo

Estes dois lindos navios, "Thalassa" e "Roald Amunsdem" chegaram ontem ao fim da tarde ao Porto Santo, tendo o "Thalassa" atracado no contra-molhe e o"Roald Amundsem" fundeado, atracando ja hoje de manhã no molhe comercial.
 Este "Tallship, é um estreante na ilha e foi construido em 1980. Navega com bandeira Holandesa e é operado pela Sailing Chater Thalassa BV.












Construído como um navio de pesca, o "Thalassa" foi remodelado em 1995.
Normalmente navega no Báltico,  Espanha, as Ilhas Canárias e em toda a Inglaterra e Escócia.
Este navio foi remodelado  de acordo com tradições centenárias, mas equipado com as mais recentes normas de segurança e conforto. Disso resulta num bom navio , confortável com um salão acolhedor, biblioteca, uma cozinha bem equipada e um bar espaçoso e luxuosas cabines de duas pessoas, no total de 15, cada uma equipada com casa de banho. 

Características 
Tipo de envio:   Bergantim
Porto de registot:           Harlingen (NL)
Anoconstrução:               1980
Restaurado:       1995
Capacidade:       30 instruendos
Comprimento:  47m
Boca:     8m
Calado: 3,9m
Vela:     800m2
Altura do mastro:            35m
Potencia do motor:        600 Hp

O "Roald Amundsen" ja esteve no Porto Santo  sendo esta a sua segunda visita á ilha dourada.
É  um navio , construído em 1952 com o nome de "VIM", Teve variadas funções ao longo da sua história,tenso sido usado como prisão militar  em 1992 .
 Em 1993 foi transformado em navio de treino de vela e baptizado com o nome actual em homenagem ao explorador polar norueguês Roald Amundsem.













Com um comprimento de 50.2 metros, boca de 7,2 metros e um calado de 4,2 metros,o Roald Amundsen desloca 480 toneladas e  como propulsão tem uma maquina Buckau-Wolf de 221 Kw alem de 850 m2 de vela, arma em brigue.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Vento forte obriga a PSL a cancelar viagem

O vento forte que se faz sentir no arquipélago da Madeira, obrigou a Porto Santo Line,a cancelar a viagem do Lobo Marinho,  programada para amanha, com saída do Funchal as 08h e do Porto Santo ás 18h.




O arquipélago esta com aviso amarelo para o vento e agitação marítima, que se manterá ate o fim da tarde de sexta.
Hoje o Ferry efectuou a viagem normalmente mas, segundo o relato de alguns passageiros,  um pouco desconfortável,pois o tempo estava bastante agreste.A manobra de atracação no Porto Santo, decorreu sem incidentes , embora um pouco mais demorada, devido a ser  muito dificultada pelo vento que soprava forte , com rajadas que chegaram a atingir os 40 nós.




Assim, segundo a informação da pagina da PSL no Facebook o ferry deverá retomar as viagens na próxima sexta-feira as 19h, sendo as passagens marcadas para amanha alteradas para sexta.



terça-feira, 7 de novembro de 2017

Funchalense 5 cancela viagem ao Porto Santo

O vento muito forte que se faz sentir, obrigou o navio da Empresa de Navegação Madeirense,
" Funchalense 5" a cancelar a escala programada para hoje ao fim da tarde.



O IMPA colocou todo o arquipélago em aviso amarelo para o vento e a costa norte e Porto Santo também para a agitação marítima.




Assim o navio estará no Porto Santo na próxima terça-feira.




terça-feira, 31 de outubro de 2017

Max Stability no Caniçal

O porta contentores "Max Stability" registado em Malta, no Caniçal, juntamente com o seu irmão gémeo " Funchalense 5".

O "Max Stability" esta fretado á Transinsular para a linha da Madeira, tendo proveniência e destino o porto de Lisboa

E um navio gémeo do "Funchalense 5" mas sem gruas.


© Foto: Pedro Amora